sábado, 18 de maio de 2019

IGOR, MEU AMIGO PARISIENSE


Igor, por enquanto, quando não está no sono, gosta de brincar com Michele sua humana. Está muito novinho. Quando estiver mais crescidinho vou convidá-lo para ser meu amigo no face.

sexta-feira, 17 de maio de 2019

MIAU, o GATO APTO!


MIAU, o GATO APTO! ,  convive ao me consta harmoniosamente com o poeta Marco Valença que já andou gravando uma poesia de meu inquilino P.R.Baptista.
Eles que são artistas que se entendam, eu me interessei foi pelo Miau Apto, gatinho lindo.... 

terça-feira, 14 de maio de 2019

ÚNICA LUZ - P.R.Baptista



Gato felino,gato selvagem
quando não dorme, espreita
olhar,narinas e orelhas
- a boca não mexe -
acompanham cada ínfimo movimento no espaço
os sentidos captam a essencia de cada momento
em meio ao próprio infinito

gato selvagem, felino
movendo-se em meio às folhas
da mata seca de papeis
dos livros das biblioteca
e em meio às almofadas

mas algo se induz
de seus olhos que dão
à sala em penumbra
uma luz unica
que não são eles daqui
deste mundo humano e pequeno
mesmo se engordam
e apenas nos tomam de empréstimo
ou nos reservam
como presas futuras

P.R.,Baptista

sexta-feira, 10 de maio de 2019

O PESADELO DE SUETO

Certa manhã, quando Sueto acordou de sonhos angustiantes, descobriu que em sua cama tinha se transformado em um monstruoso ser humano

One morning, as Sueto was waking up from anxious dreams, she discovered that in her bed she had been changed into a monstrous human being


Sueto acordou no meio da noite sobressaltada.
- Que foi? perguntei-lhe meio sonolento.  - Mais um de seus pesadelos?
Sueto tem tido sonhos intranquilos.
Segundo me revelou o que mais a tem perturbado é o pesadelo de que acorda transformada em um ser monstruoso.
-- Uma barata? perguntei-lhe inicialmente para não fugir de seus pendores literários.
-- Não, revelou-me, algo muito mais horrível.
Tinha demorado um tempo, depois de ter tido o mesmo pesadelo algumas vezes, para que eu entendesse que o "ser monstruoso"  no qual temia se acordar transformada, era um humano.
-- Mas os humanos são monstruosos assim? ainda tentei argumentar para contestar a razão de sua perturbação.
Sueto nem me respondeu o que me fêz concluir que, efetivamente, devem ser.
Sequer tentei argumentar, dentro do terreno que lhe agrada, que o fenômeno poderia ter alguma coisa a ver com suas leituras, de Kafka especialmente.
Mas o motivo da perturbação de Sueto esta noite era outro. 
Não quis, contudo, sequer me dar uma idea do que se tratava. 
Se descobrir eu conto.


domingo, 5 de maio de 2019

HORA DO LANCHE


Pela esquerda, Sueto, Falujah, Loïck ( no centro), Syria e Tari. A Sueto e a Tari se estranham muito, na realidade a Sueto promove bullying, O Loïck , o único macho, é o public relations, se dá bem com todos, lambe todos.
O espaço em que se encontram, por enquanto ainda em reforma, é quase exclusivo deles. Tem até lareira.
Pouco usam no verão mas, no inverno, ficam mais recolhidos e a Sueto, Loïck e Syria, podem dormir juntos.
A Falujah, que é a mais velha, tem vida própria. A Tari, pelo bullying da Sueto , tem ficado isolada e não costuma ficar muito no ambiente.
Sueto tem uma espécie de autoridade sobre todos.
Muita falta da Mina.


n  

sábado, 4 de maio de 2019

LA SIESTA


domingo, 14 de abril de 2019

UMA PAIXÃO

.
Adoro carros.
Sempre que posso entro neles na garagem.
E não recuso uma carona.
Mas prefiro os carros do que o jipe Toyota que, hoje, veio para a garagem.
O jipe não é silencioso e está sem ar condicionado.
Também não tem som e fico impedida de ouvir Vivaldi.
Nunca perco a oportunidade, contudo, de entrar nele e dar uma voltinha
Ou, simplesmente, passar o dia deitada no banco

sábado, 13 de abril de 2019

HORA DO LANCHE


Quinteto reunido no flat que dividem na hora do lanche. 
Da Sueto para a direita, Tari, Loïck, Falujah e Syria.
Sempre ficam nesta ordem.
Loïck é o único gatinho. 
Todos foram recolhidos em diferentes circunstâncias.
Saudades do Alep e da Mina

quarta-feira, 3 de abril de 2019

FELINISMO SE APRENDE DE PEQUENA - Himari Yoshimura



International Grumiaux Violin Competition
Paganini - Violin Concerto No. 1
(excerpt of 1st mvt)

Niccolò Paganini was an Italian violinist, violist, guitarist, and composer. He was the most celebrated prodigy violinist virtuoso since he was a child, and left his mark as one of the pillars of modern violin technique. His 24 Caprices for Solo Violin Op. 1 are among the best known of his compositions, and have served as an inspiration for many prominent composers.

The International Grumiaux Competition for Young Violinists is held annually and takes place at the Royal Conservatory of Brussels in Belgium. It was first held in 2008 under the name of "Bravo".
In 2015, the competition was renamed in honor of Arthur Grumiaux, and is now called Concours International Grumiaux pour Jeunes Violonistes (International Grumiaux Competition for Young Violinists).

sábado, 16 de fevereiro de 2019

PEQUENO DICIONÁRIO DO FELINISMO - Sororidade

Sororidade -apesar de ser usado há mais de 40 anos, se você procurar esse termo em um dicionário, ele o remeterá para “sonoridade”, depois de afirmar que aquela palavra não está cadastrada. O que para alguns continua a ser uma espécie de erro é, na verdade, um conceito que acaba com todos os preconceitos segundo os quais as mulheres não conseguem ser amigas, que são rivais entre si por natureza ou que são mais cruéis entre elas. Nos anos 70, a escritora norte-americana Kate Millett cunhou o termo sisterhood e depois disso as feministas francesas começaram a usar sororité. Atualmente, a antropóloga e política mexicana Marcela Lagarde, uma das maiores divulgadoras do conceito em língua espanhola, o define como “o apoio recíproco entre as mulheres para se conseguir o poder para todas”. É uma aliança entre as mulheres, que proporciona a confiança, o reconhecimento mútuo da autoridade e o apoio. “Trata-se de pactuar de maneira limitada e pontual algumas coisas com cada vez mais mulheres. Somar e criar vínculos. Assumir que cada uma é um elo no encontro com muitas outras”, escreve Lagarde.

PEQUENO DICIONÁRIO DO FELINISMO- Sororidade

Sororidade -apesar de ser usado há mais de 40 anos, se você procurar esse termo em um dicionário, ele o remeterá para “sonoridade”, depois de afirmar que aquela palavra não está cadastrada. O que para alguns continua a ser uma espécie de erro é, na verdade, um conceito que acaba com todos os preconceitos segundo os quais as mulheres não conseguem ser amigas, que são rivais entre si por natureza ou que são mais cruéis entre elas. Nos anos 70, a escritora norte-americana Kate Millett cunhou o termo sisterhood e depois disso as feministas francesas começaram a usar sororité. Atualmente, a antropóloga e política mexicana Marcela Lagarde, uma das maiores divulgadoras do conceito em língua espanhola, o define como “o apoio recíproco entre as mulheres para se conseguir o poder para todas”. É uma aliança entre as mulheres, que proporciona a confiança, o reconhecimento mútuo da autoridade e o apoio. “Trata-se de pactuar de maneira limitada e pontual algumas coisas com cada vez mais mulheres. Somar e criar vínculos. Assumir que cada uma é um elo no encontro com muitas outras”, escreve Lagarde.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

MEU CALENDÁRIO EM SÃO PAULO


Foto tirada pela Flam de meu calendário em São Paulo no bairro da Liberdade.
Gostei muito do lugar.

sábado, 9 de fevereiro de 2019

SUETO E O FUSCA

.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

IGNORADA PELO FEMINISMO, EM MEIO A UM MUNDO MASCULINO, THERESA MAY SE VIRA COMO PODE

.
Theresa May vai sobrevivendo como pode tendo herdado a árdua missão de dar andamento ao Brexit.
Ignorada pelo feminismo para o qual parece não oferecer o perfil cultuado de rebeldia contra o mundo machista tampouco reúne as condições de encanto físico e charme pessoal que pudesse chamar a atenção do público masculino.Bem longe disto.
Seria uma felina? O felinismo poderia ir em socorro de sua figura um tanto quanto desemparada?
Não tem as qualidades básicas de uma felina mas, por outro lado, o felinismo tem por princípio prestigiar as fêmeas em desemparo.
Não tem as qualidades mas poderia começar a ter a nossa simpatia.
E, pelo menos, parece sincera em seus esforços para dançar, requebrando e até dando uma voltinha expondo o traseiro.